3ª Edição do Sapo Codebits

A 3ª edição do Sapo Codebits conseguiu juntar na Cordoaria Nacional, em Lisboa, 650 programadores e entusiastas da tecnologia e web, dos quais 50 eram mulheres. O ponto alto do evento foi o extenuante concurso de programação 24 horas, mas durante os três dias do evento também houve tempo para apresentações, workshops, um concerto e muita pizza.

Das apresentações destaco a apresentação de Brian Suda “Optional is required”, que visava inspirar os participantes e recomendava que estes explorassem a sua criatividade, a apresentação de Mitch Altman “The Hackerspace Movement” e a apresentação da Paula Valença “Enigma, the mother of modern cryptography”. Na apresentação da Paula Valença foi mostrada uma réplica de uma Enigma Machine que a Paula esteve a montar durante o Codebits.

IMG_0748IMG_0827IMG_1218

Um dos espaços mais concorridos do Codebits foi o Hackerspace de Mitch Altman, onde os participantes do Codebits podiam comprar “project kits” para montar e aprender a soldar. Provavelmente o kit mais requisitado foi o famoso TV-B-Gone, que chegou mesmo a esgotar no final do evento. Eu preferi montar o MiniPOV3 e o Trippy RGB Waves project.

IMG_0904IMG_0911IMG_0887

O momento musical do evento esteve a cargo dos Pornophonique. Infelizmente teve uma audiência reduzida e pouco participativa devido ao workshop de Lockpicking que estava a decorrer em simultâneo na outra ponta do edifício. No entanto os poucos que estavam a gostar do concerto fizeram com que a banda voltasse ao palco várias vezes, tendo inclusive de repetir uma música. Para além dos originais, tocaram também uma música dos AC/DC, o “Baby One More Time” da Britney Spears, “Music” da Madonna e uma cover de Slayer. É de realçar também que o artwork da banda era fabuloso.

IMG_1075IMG_1124

No último dia subiram ao palco os leaders dos 74 projectos, realizados durante as 24 horas anteriores, para os apresentar em 90 segundos. Nos anos anteriores, e embora houvesse votação do público, os vencedores eram escolhidos por um júri, no entanto este ano a votação com mais peso foi a votação do público. Na minha opinião este sistema de votação poderá não ser o ideal para um concurso deste género pois o que pesa mais na hora de votar são as amizades e a “piada” que um ou outro projecto tem e não a sua qualidade e potencial para se tornar num produto/serviço. Também o entusiasmo para votar foi decrescendo à medida que as apresentações iam sendo feitas, porque os participantes já estavam demasiado cansados. A verdade é que muitos não conseguiram aguentar o cansaço e dormiam como e onde podiam.

IMG_1233IMG_1212IMG_1211

O grande vencedor acabou por ser o projecto “Supond”, um Lifestream com uma interface parecida com o Apple Time Machine. Entre os vencedores está também o Playsketch (uma aplicações de jogos criados a partir de desenhos), o Math4Kids (uma aplicação de jogos didácticos de matemática) e o Truz-Truz (um sistema de passwords sonoras). Confesso que estes três eram os meu preferidos, juntamente com o “Sinestesia”, que infelizmente não arrecadou nenhum prémio.

Para além dos prémios (portáteis MacBook Pro, consolas Xbox, telemóveis HTC, leitores de música iPod Nano, Arduinos, placas de banda larga e até puffs) os vencedores do concurso de programação 24 horas receberão apoio financeiro e acompanhamento técnico, de forma a tentar colocar os seus projectos no mercado.

Os vencedores do Codebits por ordem alfabética:
– Cyclops
– Cython protobuf generator
– Math4Kids
– Playsketch
– Supond – Apple Time Machine-like Interface for Your Lifestream
– TV Movies
– Time-based OTPs
– Truz-Truz
– Verbatim Quiz!
– Widgetiz

Para mais fotos do Codebits clique aqui.

2 thoughts on “3ª Edição do Sapo Codebits

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *