Tag Archives: desenhos animados

Eu e a Rua Sésamo no 7 Palmos de Testa

7 Palmos de TestaOntem foi transmitido na RTP2 um episódio especial do talk-show 7 Palmos de Testa sobre a Rua Sésamo, no qual tive o prazer de participar.

7 Palmos de Testa é um talk-show que desenrola-se num sofá vermelho com seis jovens, três rapazes e três raparigas, e Ana Zanatti como anfitriã. O objectivo do programa é juntar jovens e temas sobre os quais não falam frequentemente, temas polémicos ou sobre os quais possam haver preconceitos.

O tema escolhido para este episódio especial foi mais light do que os dos programas anteriores, que se centraram em questões como o sexo, o dinheiro, o amor, a violência, o corpo, a família, etc. O fio condutor, entre os jovens que participaram neste episódio, era o facto de todos pertencerem à geração Rua Sésamo e, ainda hoje, serem grandes fãs deste programa infantil. O objectivo era saber de que forma é que tinham sido influenciados e o que pensam sobre a Rua Sésamo.

Nas edições anteriores do talk-show os participantes inscreviam-se através de um blog e, após entrevistas (presenciais e por telefone) eram escolhidos pelas suas capacidades de comunicação e pelo contributo que poderiam dar ao tema do episódio.

No entanto os convidados desta edição especial foram escolhidos de maneira diferente. Entre os convidados estava uma jovem que, em criança, tinha sido consultada pelos criadores da Rua Sésamo portuguesa sobre a sua opinião acerca do programa e um actor que faz parte do elenco da Ilha das Cores, um programa infantil parecido à Rua Sésamo.

Fiquei muito contente de ter sido convidada para esta edição especial do programa, principalmente pela forma como foi feito o convite. A produção do 7 Palmos de Testa contactou-me porque encontraram o post que fiz aqui no blog sobre a Rua Sésamo.

Da minha participação neste talk-show só lamento uma coisa: não ter corrigido uma coisa que disse e tê-la deixado passar. Troquei a ordem do que queria dizer, afirmando que a escola complementava o que as crianças poderiam aprender com os desenhos animados, quando o que queria dizer era exactamente ao contrário. Por não ter corrigido o que disse gerei uma pequena discussão, fazendo com que uma das convidadas dissesse que discordava do que eu tinha dito. Quando ela interveio tive a oportunidade de me corrigir, mas voltei a não fazê-lo, deixando passar a oportunidade completamente.

Tendo em conta que esta foi a primeira vez que fui convidada para um programa de televisão penso que nem me saí mal de todo, mas se pudesse voltar atrás teria corrigido o que disse. Tirando este pequeno incidente penso que até dei alguns contributos de valor para o programa (até cantei) e quem quiser assistir pode fazê-lo aqui.

Morreu o último dos grandes desenhadores da Disney: Ollie Johnston

Oliver JohnstonOliver Martin Johnston Jr. faleceu esta segunda-feira, aos 95 anos, num lar de idosos em Sequim, Washington. Ollie era o último sobrevivente do grupo dos Disney’s Nine Old Men (Nove Velhos da Disney), os nove principais autores de desenhos animados da “era áurea” da Disney.

Começou por ser contratado por Walt Disney, em 1935, para fazer curtas de animação, mas, apenas dois anos depois, começa a trabalhar em longas-metragens, nomeadamente no filme Branca de Neve e os sete anões. Durante a sua carreira contribuiu para filmes como o Pinóquio, o Fantasia, o Bambi, etc.Rufus

O seu último trabalho para a Disney foi o filme de animação Bernardo e Bianca, no qual ele foi caricaturizado como uma das personagens do filme, o gato Rufus. Reformou-se no ano seguinte.

Um olhar sobre a nossa infância

Há tempos tive a oportunidade de recordar, no Youtube, alguns dos desenhos animados que marcaram a minha infância. Pude recordar alguns desenhos animados “vintage” como a Rua Sésamo, o Onde está o Wally? e o Dartacão. Como sei que há por aí pessoas tão saudosistas como eu, resolvi ajudar a recordar algumas dessas pérolas da animação.

Continue reading